Ovos: Como escolher os melhores?

April 19, 2017

 

 

Os ovos são bastante utilizados pela grande maioria das pessoas, para fazer imensas receitas e também produtos de beleza caseiros!

 

Mas eles não são todos iguais.

 

Quando vamos ao supermercado a tendência é para achar que existem quatro tipos de ovos:

 

Os M, L, XL e os biológicos.

 

Geralmente as pessoas escolhem os ovos por estas referências.

 

Mas saiba o que significam aquelas letrinhas e números carimbados no ovo, pois não está lá apenas a data de validade. Essas referências são importantíssimas para se escolher ovos com qualidade superior e que não prejudiquem tanto a nossa saúde.

 

Assim, o primeiro dígito corresponde ao código do modo de criação, que varia de 0 a 3; as duas letras formam o código do estado-membro e segue-se mais um dígito que indica qual a Direção Regional de Agricultura que supervisiona a exploração de onde os ovos são originários, também ela representada por um código de três algarismos.

 

Código 0- Modo Biológico: 

 

 

 

Ovos provenientes de galinhas criadas ao ar livre, sem stress e que beneficiam de uma alimentação  maioritariamente da agricultura biológica (a ração está regulada).

 

Código 1- Produção ao ar livre: 

 

 

 

Ovos provenientes de galinhas criadas “ao ar livre”. Comem ração convencional, mas também podem comer alguns insectos, relva, sementes, etc. Têm um espaço interior, de condições similares às de “produção em solo” onde pernoitam ou se abrigam, quando o tempo apresenta condições meteorológicas adversas. Mas também têm um espaço exterior, ao ar livre, adaptado às suas necessidades (com uma densidade mínima de 4 m2 por animal, isto é, 40 vezes maior do que no código 2).

 

 

Código 2- Produção no solo:

 

 

Ovos provenientes de galinhas todas juntas num extenso galinheiro. A densidade de galinhas é de aproximadamente 10 animais por metro quadrado e sem possibilidade de sair para o exterior. São alimentadas com alimentação convencional e industrial. Neste código e no código 3 os bicos são cortados para não comerem os seus próprios ovos, devido à pobreza nutricional das rações que ingerem (feitas com 85% de outros animais doentes, restos de matadouros, alimentos em contacto com dejetos e outras coisas horrorosas) e também devido ao stress que provocam nelas comportamentos anormais, como atacar outras galinhas (canibalismo) ou auto-mutilação.

São injetadas com hormonas de crescimento e antibióticos.

 

 

Código 3 – Sistema de gaiolas convencionais:

 

 

 

Os piores de todos. Estes ovos são os menos saudáveis e os mais baratos.

 

São ovos provenientes de galinhas criadas em galinheiros, que passam a vida fechadas e em sofrimento em jaulas minúsculas. As dimensões das gaiolas estão definidas, correspondendo a 550 cm2 por animal. As condições de iluminação são modificadas para criar nas galinhas a ilusão de que há mais horas de sol e, portanto, fazer com que tenham uma maior produtividade. Estas galinhas têm os seus ritmos biológicos completamente alterados e alimentam-se de rações industriais e transgénicas ( soja, milho, trigo), são injetadas com antibióticos e hormonas de crescimento.

 

Portanto, tenha presente que os ovos mais “saudáveis” são os das galinhas criadas ao natural (código 0). Apanham sol, fazem exercício, descansam, comem plantas, sementes e insetos e são bem mais felizes e saudáveis que as dos outros códigos.

 

Estas galinhas põe ovos com um sabor mais intenso, as claras são mais espessas e a gema bem mais amarelinha. São ovos com um valor nutricional mais elevado, pois têm mais vitaminas (A, E, D), com menos gorduras saturadas e mais ricos em omega3.

 

A diferença de preço entre ovos de código 1 ou 0 e ovos de código 2 ou 3 não chega a um euro para meia dúzia de ovos.

 

Por isso recomendo vivamente que se consumirem ovos consumam os com melhor qualidade.

 

Não se esqueça, na hora de ir ao supermercado comprar ovos:

- Abra a embalagem, pois nem sempre a informação de fora condiz com a que está na casca do ovo

- Olhe para o primeiro dígito

- Escolha o que começa com 0 ou 1 seguido de PT

 

Vejam o exemplo abaixo:

 

 

 

(Fonte: IFAP-Instituto de Financiamento Agricultura e Pescas)

 

Quanto mais informados estivermos melhor!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black YouTube Icon
  • Black Pinterest Icon
  • Black Twitter Icon